O "Sequestro"

Fim de semana “viajando” (mais uma) vez com o namorado. Coisa simples, Rio mesmo, mas é tão longe e demora tanto pra chegar que eu chamo de viagem. Coisa gostosa, festa junina no “sítio”, comidas, bebidas, gente divertida. Como é bom sair da rotina!

Mas a gente volta pra nossa vidinha, pra nossa(s) casa(s) e tudo normal, lindo e como deve ser, certo? Seria, se não existisse tanta gente filha da puta no mundo, tanta gente sem ter o que fazer. Gente de má fé, sem escrúpulos, gente que quer se dar bem em cima de qualquer pessoa.

Domingo à tarde, eu acabando de colocar os pés no meu apartamento, telefone tocando. Meu pai, coitado! Afobado, assustado, feliz da vida ao ouvir minha voz. Porque sim, ligaram para casa dos meus pais dizendo que o filho dele havia sido sequestrado e estava na mão dos meliantes. Que o filho saía de um caixa eletrônico e foi rendido e estava lá, esperando o resgate de R$ 1.500,00 ser pago (minha cotação no mercado tá baixa!).

Eu teria achado graça do golpe estúpido, mas meu pai, tadinho, não está acostumado a lidar com a maldade humana. Se apavorou, tentou falar comigo e, como Murph é meu amigo, não conseguiu. Celular descarregado, eu fora de casa. E ele desesperado, “amarelo”, segundo disse minha mãe, pensando realmente que eu poderia ter sido sequestrado.

Os filhos da puta dão telefone (celular, pré-pago) pro meu pai, dizem que vão ligar de novo, passar conta para depósito para soltarem o filho dele. Nesse meio tempo, tenta mais uma vez ligar para minha casa e consegue falar comigo. Aliviado, ele ri do tragicômico, da filhadaputice alheia.

Penso em quanta gente cai nessas histórias, quanta gente mais que se desespera, passa mal, sofre com a ousadia de gente que merecia morrer de tanto apanhar e tomar soco na cara e no estômago e chutes e mil voadoras.

O mundo é um lugar estranho. As pessoas são muito estranhas.

Quando foi que deixamos de ser nós mesmos, humanos, para vivermos como bichos amedrontados, quando até mesmo atender um telefonema pode nos deixar apavorados?

Medo do mundo. Medo de gente.

Esse é o nosso mundo:
O que é demais nunca é o bastante
E a primeira vez é sempre a última chance.
Ninguém vê onde chegamos:
Os assassinos estão livres, nós não estamos.
Teatro dos Vampiros (Legião Urbana)

Anúncios

8 Responses to O "Sequestro"

  1. Lobo disse:

    Já tentaram fazer isso lá em casa…

    Meliante – “Estamos aqui com o seu filho.”
    Papis – “Pedro?”
    Meliante – “É, estamos aqui com o Pedro, e se você não…”
    Papis – “Ah, então desculpa, ligaram pro pai errado.”

    *Tu tu tu*

  2. Cara Comum disse:

    Sério que as pessoas ainda tentam usar o golpe do falso sequestro??

    OMG!!!

  3. Priscila disse:

    Cara, já aconteceu isso cmg umas 2 ou 3 vezes e foi bem meu pai que é como o seu que atendeu, é fogo viu!

  4. in.Constante disse:

    Pelo menos tudo acabou bem. Seu pai conseguiu falar com vc e não perdeu a grana.

  5. Foxx disse:

    eu contei q eu já fui sequestrado 3 vezes nesse mesmo esquema?
    e que meu filho já me ligou, chorando, durante o seu sequestro?

  6. Daniel Braga disse:

    É, queridão… essas coisas (infelizmente) estão cada vez mais comuns. E o pior é que nós não podemos fazer nada. Até mesmo os que já caíram no golpe uma vez não ficam totalmente tranquilos, até porque um dia pode ser de verdade, né?

    -> Só pra constar, sobre seu post de pecados (que por sinal eu adorei!), um dos meus pecados favoritos é Lúxuria (Porque né…).

    *DB*

  7. Ro Fers disse:

    Humm, viajar com namorado não tem preço, muito bacana…
    Esses lances são fodas, ainda bem que minha familia não caiu nessa qdo entraram em contato com eles…
    Forte abraço!

  8. Ro Fers disse:

    Olá tudo bem?
    Criei mais um blog (será temporário), é algo interativo, onde haverá perguntas de todos os gêneros…
    Entre lá e de uma espiadinha.
    Caso sinta interesse em responder, será prazeroso ler suas respostas.
    Forte abraço!

    http://enquetboquete.blogspot.com/

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: