Diálogos Reais de Pessoas Bem Normais

-Ah, eu gosto dela. Cabelos ao vento, pelo morena. Ela é linda, oras!
-Sim, é. Concordo. Mas não acho que você seja ela. E, digo mais, não é legal ficar falando que você quer ser a Pocahontas, porra! Pára de beber, seu viado maluco!
-Ah, eu quero ser a Pocahontas.
-Ok, seu louco.
-E As Panteras, que tal?
-Oi???
-Isso, As Panteras. Mas eu sou a Cameron, falei primeiro!

-Eu bem conheço aquele menino ali, ele tem um blog também.
-Oi, a música tá alta, repete!
-EU ACHO QUE CONHEÇO AQUELE MENINO ALI, OH!
-Ué, cumprimenta ele então.
-Vou fazer isso.

(“You show me love, you show me how to breakaway, living in a brand new day…”)

-Oi, você é o Fulano, não é?
-Sou sim.
-Do blog Tal e Tal, né?
-Sim! Você lê meu blog?
-A-ham, prazer, sou o Autor, do Confissões a Esmo.
-Ah, sim, que legal, você até comenta.
-Às vezes.
-Posso perguntar uma coisa totalmente fútil e fora de contexto?
-Claro, manda brasa!
-Como você acha que eu tô de corpo?
-Hum… Gostoso! Pode continuar sem camisa!
-Ai, obrigado! Pela primeira vez em anos estou me sentindo feliz com meu corpo.
-No que entendo perfeitamente seu contentamento.

-Where you from, guy?
-I live here, in Rio. And you?
-Soy mexicano y mi novio vive en Texas.
-Stop. We speak in English, Spanish or what? I’m drunk, man! Me estoy volviendo loco ahora!
-But, now es usted quien estas hablando español.
-Oi??? Tô confuso, juro!
-I need your kiss and my boyfriend want your friend.
-Eu preciso de mais tequila, isso sim!

-Posso te fazer uma pergunta e você promete ser sincero?
-Isso já é a pergunta que você tá pedindo para fazer?
-Ah, você entendeu. Tão engraçadinho você.
-Manda.
-Você realmente não gosta de mim?
-Não.
-Não gosta de mim ou ‘não, eu gosto de você’.
-Não, eu não gosto de você. Pelo menos não do jeito que você tá perguntando.
-Você é muito divertido, sabia? Nem sei porque eu ainda te pergunto isso.
-É, eu também não sei. E não, eu não estou brincando, eu realmente não gosto de você. É só diversão.
-Você é meio insensível, né?

-Mas você disse que ia me levar, junto com seu pai, no Pão de Açúcar quando a gente viesse aqui te visitar.
-Disse, mãe, mas isso foi antes de eu saber que custa R$ 45 por pessoa pra subir naquele troço. Vamos em outros lugares lindos, você vai ver.
-A gente cria filho pra isso,  pra ficar economizando R$ 45 na hora de levar a gente pra passear. Que mundo é esse, meu Deus?
-O mundo onde o seu filho teria de pagar R$ 135 só pra ver o Rio do alto. Fica pra próxima.
-Não se fazem filhos como antigamente.
-A-ham, mãe, senta lá!
-Sentar onde, menino, tá maluco?

“Eu não tenho nada pra dizer
Também não tenho mais o que fazer
Só pra garantir esse refrão
Eu vou enfiar um palavrão: CU!”
Nada a Declarar (Ultraje a Rigor)

Anúncios

10 Responses to Diálogos Reais de Pessoas Bem Normais

  1. Edu disse:

    Movimentado o seu cotidiano converseiro, hein? 🙂

  2. Lobo disse:

    Gente, mandar a cláudia pra mãe é luxo! Sempre imaginei a reação da minha se eu fizesse isso, agora eu já tenho uma idéia XD.

    Beijos Autor!

  3. Roger disse:

    Conversas que às vezes parecem sem sentido, mas pra gente fazem toda a diferença!
    Minha mãe é igualzinha! XD

    Bjão!

  4. Serginho disse:

    você tinha fumado o cigarro do demo!

  5. Paulo disse:

    Hahahahaha!! Por que eu tenho quase certeza que sei com quem foi o segundo papo?? 😛

  6. Camila disse:

    Adoro saber que eu não sou a única com conversas surreais… Me sinto quase normal

  7. Daniel Savi disse:

    Hua, kkk, ha, ha, deixa de ser muquirana, pois quem tem mãe tem um tesouro…

    Fique com Deus, menino Autor.
    Um abraço.

  8. rafael disse:

    rs rs rs…cara, sinceramente, vc é uma das pessoas mais nonsense e ao mesmo tempo profundas que conheço…que mistura carioca boa essa…rs

    abração amigo…

    Ps.: mandar a mãe sentar, foi cruel…rs rs rs…ganhou da Xuxa agora.

  9. Fábio Nunes disse:

    Uau…Nem bebendo acho que eu ficaria assim ahuahuahauah. É no mínimo divertido! Na verdade devo basear minha teoria de que ‘as pessoas são loucas’ em seus diálogos, se não se importat rsrsrs, mas pelo menos você estava causando, se divertindo e não prejudicando ninguém…exceto talvez o namorado do cucaratcha ahahaha!

    Abraço Autor!

  10. Alysson-Syn disse:

    1- Eu prefiro a Drew! (eu falei isso? hahahaha)
    2- Amo a Lorena Simpson! E que papo mais hot…
    3- Morri de rir com o diálogo em potuespanhês… kkkkkkkkk
    4- Sua mãe é uma figura.

    Vida movimentada, Autor.
    Abração!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: